Era uma vez um dinossauro que gostava de aprender, descobrir, partilhar… E também de comer cenouras. Sua enorme curiosidade e o fato de gostar de cenouras o tornavam diferente dos demais dinossauros, atrapalhando a sua convivência. A família reclamava, os amigos se irritavam com tanta pergunta. Para ser aceito, ele decidiu mudar. Deixou de comer cenouras, de perguntar, de falar sobre estrelas e até mesmo de pensar.